Cacilda
 

Onde Vamos Morar

Cia. Platô de Teatro - SP

Texto José Maria Vieira Mendes

Direção Tatiana Caltabiano

Atores Bruno Lourenço, Fabiano Medeiros, Fabio D'Arrochella,

Natália Zuccata, Paulo Goya, Renata Bruel e Tatiana de Marca

Iluminacão Beto Bruel

TEUNI - Teatro Experimental da UFPR - Curitiba

Hoje 09/04 às 15h30 Amanhã 10/04 às 18h

Escrito por Lenise Pinheiro às 16h39

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Tio Vânia

Texto Anton Tchékhov

Direção Yara de Novaes

Atores Antonio Edson, Arildo de Barros, Eduardo Moreira, Fernanda Vianna,

Mariana Lima Muniz, Paulo André e Teuda Bara

Cenários e Figurinos Márcio Medina

Iluminação Pedro Pederneiras

Trilha Sonora e Música Original Dr Morris

Direção Vocal de Texto Babaya

Preparação Corporal Mônica Ribeiro

Assistente de Direção Paulo André

Caracterização Mona Magalhães

Adereços Marney Heitmann

Cenotécnicos Helvécio Izabel, Bruno Cerezoli e Elton John

Assistente de Produção Evandro Villela

Produção Executiva Beatriz Radicchi

Direção de Produção Gilma Oliveira

Teatro Bom Jesus - Curitiba

Hoje 21h

Escrito por Lenise Pinheiro às 12h13

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Devastidão - Leitura Dramática

Autor Andrew Knoll

Atores Scheila Foltran e Nawbert Cordeiro

Teatro José Maria Santos - Cutitiba

Escrito por Lenise Pinheiro às 11h59

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Édipo

Texto Sófocles

Direção, Adaptação e Cenário Elias Andreatto

Atores Claudio Fontana Tania Bondezan, Romis Ferreira, Nilton Bicudo,

Daniel Maia, Clóvys Torres e Elias Andreatto

Iluminação Wagner Freire

Figurinos Laura Huzak Andreatto

Assistente de Direção André Acioli

Teatro Paiol - Curitiba

Hoje 21h

Escrito por Lenise Pinheiro às 12h36

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Antes do Fim

Texto Marcelo Burscheid

Direção e Cenografia Marcos Damaceno

Atores Eliane Campelli, Giovana de Liz, Rosana Stavis, Sidy Correa

e Zeca Cenovicz

Iluminação Beto Bruel e Daniele Regis

Figurinos Maureen Miranda

Cenotécnico Sergio Richter

Casa do Damaceno - Curitiba

Dias 08 e 09 23h

Escrito por Lenise Pinheiro às 11h55

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Murro em ponta de faca

Texto Augusto Boal

Direção Paulo José

Atores Abílio Ramos, Erica Migon, Espedito Di Montebranco,

Gabriel Gorosito, Laura Haddad, Nena Inoue e Sidy Correa

Cenário Ruy Almeida

Iluminação Beto Bruel

Figurinos Rô Nascimento

Espaço Cênico - Curitiba

Dias 08, 09 e 10 de abril 18h

Escrito por Lenise Pinheiro às 11h46

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Ela i eu ou nada que transpareça

Coletivo de Dois - Curitiba

Texto Viktor Konigsberg

Direção Dimis Jean Soares

Atores Patrícia Cipriano e Thiago Inácio

Teatro Universitário - Curitiba

Dias 08/04 16h, 09/04 16h e 10/04 13h

20º Festival de Teatro de Curitiba - 2011

Escrito por Lenise Pinheiro às 18h20

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Sobre Dinossaauros Galinhas e Dragões

Concepção, Dramaturgia e Direção Primeira Campainha - MG

Atrizes Marina Viana (esq), Marina Arthuzzi e Mariana Blanco (dir)

Cenário, Iluminação e Figurinos Primeira Companhia

Direção de Arte Daniel Herthel

Locução Raul Neto

Teatro Mini Guaíra - Curitiba

Hoje 16h

 

Escrito por Lenise Pinheiro às 16h20

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Metaformose/Homem Piano/Oxigênio

Houve um tempo em que a classe teatral de Curitiba se mobilizava contra o privilégio às peças de São Paulo e Rio no festival. Aos 20, não é mais assim, pelo contrário. O teatro paranaense tomou seu espaço na programação. Companhias que deixaram a cidade e o Estado tomaram São Paulo e Rio.

E o festival, hoje majoritariamente uma mostra paranaense, ainda que sem perder a diversidade nacional que o caracteriza desde o princípio, deve sua regularidade elevada de qualidade ao sem-número de produções locais.

Mal desci do avião e fui assistir a uma, duas, três peças de companhias paranaenses, com Café do Teatro no intervalo. Talvez pela data redonda do aniversário, o espírito é outro por toda parte. Curitiba confirma sua decadência urbana, com traços que remetem até à Cracolândia, mas a arte persiste e brota.

Quando a produção não é das maiores, caso de "Metaformose", adaptada com alguns exageros e dirigida por Edson Bueno da novela/poema de Paulo Leminski, a interpretação carrega. Foi uma boa maneira de começar, na fantasia do curitibano Leminski.

Cenário, figurinos e vídeos são de doer, falhas técnicas foram a regra do começo ao fim, mas o elenco está afinado e não se perde. O texto por vezes se excede no didatismo ou no burlesco, mas nada que dure muito. Dosa humor e, quando pesa no drama, só faz bem.

Alguns dos atores já estão prontos, e todos os cinco se saem dignamente. (Para registro, a plateia contava não menos do que quatro observadores da Globo. Não chega a ser novidade no festival, mas indica como o teatro paranaense avançou sobre a indústria cultural de São Paulo e sobretudo Rio.)

Zé Celso, que participou da primeira edição com "As Boas", em que fui assistente, dizia que Curitiba é a cidade brasileira mais moralista -acho que o adjetivo era reacionária. Esteticamente, não é mais assim. Escrita e dirigida por Sueli Araújo, "Homem Piano" é prova.

Com um único performer, Luiz Bertazzo, envolve seu público limitado desde antes da entrada, na pequena rua de paralelepípedos. Antes fala, conversa, do que representa. Pergunta de pais e mães, pede uma memória que se queira esquecer, a ser escrita como um bilhete -que em seguida tritura num velho liquidificador.

Sobe as escadas da sede da companhia e se apresenta, não como um ator com uma história, mas alguém para escutar a memória de cada um, que pode ou não contá-la a um microfone no final, tendo ele como único ouvinte. Pelos três andares brancos e quase vazios, uns poucos estímulos à lembrança -sobretudo na voz do ator.

É emocionante, um exercício não sobre o público, mas sobre cada mente no público. Nada violento, pelo contrário; um passo que cada um se permite, se quiser. É uma instalação ou performance, mais do que teatro.

Como dramaturgia, "Oxigênio" foi o mais enriquecedor. Apresenta um autor russo, Ivan Viripaev, que até onde sei jamais foi montado no Brasil. A exemplo de Aleksandr Gálin, de "Casting", montada em São Paulo, retrata uma Rússia muito diversa daquela de Tchecov ou Bulgákov -ou mesmo Dostoiévski e seus niilistas, referenciado no texto.

É corrosivo, cético consigo mesmo. Pelo que li, foi uma das descobertas de Declan Donnelan, o célebre diretor de "As You Like It" e "Angels in America", no mergulho que fez na Rússia na última década. Descortina um teatro russo que ameaça, aos poucos, voltar à grandeza, junto com a própria nação.

A encenação de Márcio Abreu, aparentemente, vislumbra essa esperança no texto e a expõe no cenário, dos mais expressivos que vi -a vida, na forma de jardim, toma o lugar do piso negro do palco.

E a escolha de um guitarrista para dialogar em música com a emoção dos intérpretes tem instantes de beleza chocante. São apenas duas das muitas impressões que o espetáculo deixa, com palavras, "mise en scène" e os atores Patrícia Kamis e Rodrigo Bolzan.

PS - Christiane Riera já escreveu de "Oxigênio", aqui.

Escrito por Nelson de Sá às 23h54

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Os 3 Espelhos

Clepsidra Companhia de Arte

Texto e Direção Maureen Miranda

Atores Marly Gott e Rodrigo Ferrarini

Cenário Marcelo Scalzo

Iluminação Waldo Léon

Figurinos Maureen Miranda

Sonoplastia Hélio Brandão

Espaço Dois - Curitiba

Hoje 19h

Escrito por Lenise Pinheiro às 12h29

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Comédia Russa

Realização Os Fodidos e Privilegiados - Rio de Janeiro

Texto Pedro Brício

Direção João Fonseca

Atores Alexandre Contini, Alexandre Pinheiro, Cristina Mayrink,

Daniela Olivert, Filomena Mancuzo, Karen Coelho, Ricardo Souzedo,

Roberto Lobo, Rodrigo Nogueira, Rose Abdallah e Thelmo Fernandes

Cenário Nello Marrese

Iluminação Daniela Sanchez

Figurinos Rui Cortez

Meu muito obrigada a Francisca Neves

Teatro Positivo - Grande Auditório - Curitiba

Hoje 21h

Escrito por Lenise Pinheiro às 22h38

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Ver mensagens anteriores

PERFIL

Lenise PinheiroO blog Cacilda é coordenado por Nelson de Sá, articulista da Folha, e pela repórter-fotográfica Lenise Pinheiro.

SITES RELACIONADOS

RSS

BUSCA NO BLOG


ARQUIVO


Ver mensagens anteriores
 

Copyright Folha Online. Todos os direitos reservados. ɉ proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folha Online.