Cacilda
 

Da Razão das Coisas

Texto Quim Monzó

Direção Antonio Januzelli

Tradução e Adaptação Eliana Teruel

Atores Eliana Teruel e José Dornellas

Sesc Pinheiros Auditório - SP

Sextas 21h e sábados 19h30

Escrito por Lenise Pinheiro às 18h44

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

X Moradias

A atriz Ana Andreatta mandou mensagem de texto na quinta-feira. "Você não pode [perder] a Lenise de freira, no projeto xmoradias-roteiro3-consolação/bela vista. tá hilário!" Depois, "Nelson, vá vê-la que tá imperdível. Bj, ana".

Fui no dia seguinte e nada de conseguir entrar no tal roteiro 3.

O projeto X Moradias virou uma pequena febre na cidade. Depois de tentar e muito esperar, de desistir e voltar, acabei encaixado no roteiro 1. Lenise Pinheiro estava no percurso Consolação/Bela Vista, eu fui por Higienópolis/Santa Cecília, do outro lado.

E foi adorável. Em dupla, por duas horas e meia, três horas, sob garoa, você anda de prédio em prédio, apartamento em apartamento, sempre criado ou recriado por artistas convidados pelo projeto.

Para minha sorte, segui com Raquel Anastásia, atriz de Antunes Filho, agora Cibele Forjaz, que eu não conhecia de conversar, mas é a melhor companhia. Sensível às criações, inteligente, bem-humorada.

Nossa primeira parada, saindo do Sesc Consolação pela rua Maria Antônia, foi na avenida Higienópolis, apartamento do ator Raul Carmilo Granado, em cena com Maria da Conceição, instalados e dirigidos por Daniela Thomas.

A mãe na sala, sem poder sair de uma cadeira. O filho na cozinha, preparando uma massa para bolo, algo assim. Em todos os cômodos, banheiro inclusive, câmeras e aparelhos de televisão. Na sala, com a mãe, binóculo na mão, uma série de controles.

O cenário, apesar de corriqueiro, tinha detalhes movidos a dedo. Um em especial. No quarto do filho, a janela era baixa demais, pouco acima do joelho, estava aberta e tinha, colada a ela, uma cadeira. Do nono andar, a fantasia de uma saída para o jovem, em voo e vertigem.

Não é o caso de relatar, uma a uma, todas as moradias.

Mas Raquel Anastásia se emocionou especialmente com Letícia Sekito, num trailer parado num estacionamento, na rua Barão de Tatuí. Um pouco kitsch, extremamente delicada, foi uma mistura de cerimônia de chá com leves passos de dança inspirados por uma carta de tarô.

Da minha parte, foi tensa, dramática a passagem pelo universo de Simone Mina, artista de sensibilidade única, que se cercou de animais num ambiente que, para mim, remetia em tudo a Artaud. Descalça, lendo Derrida, acho.

Antes de fechar o trajeto num cafezinho com Cibele Forjaz, presenciamos, eu e Raquel, a cena engraçadíssima de uma vizinha do apartamento onde se apresentaria Elisa Ohtake, discutindo com o zelador. Cômica pelas duas figuras, mas que resultou na censura da "moradia", para nossa tristeza.

De volta ao Sesc Consolação, nos despedimos e saímos, eu e Raquel, cada um para um lado.

Retornei no dia seguinte, sábado de encerramento do projeto, depois de ligar para Ricardo Muniz Fernandez, o curador. Eu tinha que ver. Fui direto para o apartamento onde Lenise estava, na Consolação, e confirmei finalmente o que Ana Andreatta havia enviado, empolgada.

A personagem da freira é conhecida minha e de outros, de muitos anos, mas enfim eu soube por quê. Que o teatro estava na origem de tudo, Lenise ainda adolescente, menos até, uma criança. E fui revelado freira, também eu, diante do espelho, tão engraçado quanto Lelo Filho.

Mais não conto, porque tenho certeza que essa história vai voltar, recontada.

Escrito por Nelson de Sá às 01h44

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Ver mensagens anteriores

PERFIL

Lenise PinheiroO blog Cacilda é coordenado por Nelson de Sá, articulista da Folha, e pela repórter-fotográfica Lenise Pinheiro.

SITES RELACIONADOS

RSS

BUSCA NO BLOG


ARQUIVO


Ver mensagens anteriores
 

Copyright Folha Online. Todos os direitos reservados. ɉ proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folha Online.