Cacilda
 

Celebração

Texto Harold Pinter


Direção Eric Lenate


Atores Adriano Suto, Alexandre Freitas, Carlos Morelli,


Denise Machado, Domingas Person, Juliana Vedovato,



Luciano Gatti, Pedro Guilherme, Valentina Lattuada e

Cristine Peron



Cenário Eric Lenate e Igor Alexandre



Iluminação Davi de Brito e Vânia Jaconis


Figurinos Denise Machado


Teatro da Cultura Inglesa Pinheiros - SP

Sexta e Sábado às 21h Domingo 20h

Escrito por Lenise Pinheiro às 16h53

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

A Curandeira

Texto e interpretação: Adriana Fortes

Dramaturgia: Reinaldo Maia

Direção: Melani Halpern

Companhia Confraria das Águas

Centro Cultural São Paulo - SP

Hoje às 21h

Escrito por Lenise Pinheiro às 09h58

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Simplex

O Oficina estreou "O banquete" este fim de semana, em Zagreb, na Croácia. Mais especificamente, no festival Queer. Duas novas me animaram, sobre a peça, adaptada do diálogo de Platão sobre o amor. A apresentação não passaria de uma hora e meia. E Catherine Hirsch estaria em cena, atriz.

Não sei no que deu, como foi, não sei nada. Queria estar lá.

Em lugar de Zagreb e de Platão, fui parar na USP da Maria Antônia, na estreia da residência do Coletivo Bruto, com "Guerra Cega Simplex Feche os Olhos e Voe ou Guerra Malvada". Mario Vitor Santos chamou para ver. Como o nome indica e o programa explicita, é um "emaranhado de narrativas" com a cegueira como metáfora.

Sempre fico feliz de me identificar com um novo dramaturgo. Na verdade, com qualquer coisa que renove a experiência do teatro. Foi o que senti, com a dramaturgia de "Fritz Kater (Armin Petras)" e de Pernille Sonne, tradução de Cristine Röhrig.

Soube depois que Kater esteve e até se inspirou no Brasil, ao se encontrar com uma bailarina cega na avenida Paulista, algo assim. Mas o que me prendeu foi antes a colcha de retalhos formais que ele e também o Coletivo costuraram.

Como na Noruega de Peer Gynt, que vi na pele de Dan Stulbach há 18 anos, aqui o espectador segue aventuras pouco lineares, saltando de cenário em cenário, num grande painel desencontrado da Alemanha.

Talvez se concentre demais no holocausto, mais para o final; como me disseram, lutando uma batalha já ganha, ainda que Ahmadinejadi bata às portas.

Mas até então e mesmo aí, perto do fim, a experiência foi para mim uma lufada de ar, num teatro que anda pesado, desanimador. (Ultimamente, até stand up e musical, minhas esperanças, acabaram assimilados por conglomerados e expostos para consumo. E não ando com paciência para a politização patrocinada, acho uma ofensa ao Teatro.)

Sobra esperar pelo Platão do Zé, pelo Lima Barreto de Antunes. E às vezes encontrar pequenos tesouros como este Simplex.

O cenário em pedaços, o texto também, muito vídeo e microfone, música pop, o professor de filosofia Luiz Henrique Lopes mostrando a bunda, para mim e toda a plateia, inclusive José Arthur Giannotti. Impagável.

O Coletivo Bruto, que eu não conhecia, tem direção artística de Maria Tendlau, de quem já gostava como atriz na Cia. do Latão, cenografia e figurinos de Cris Cortiliio, interpretação de Lopes e Mariana Sucupira, Paulo Barcellos, Raissa Gregori e Wilson Julião.

Escrito por Nelson de Sá às 15h14

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

O Fantástico Reparador de Feridas

Texto Brian Friel

Direção e Tradução Domingos Nunes

Atriz Mariana Muniz

Ator Rubens Caribé

Ator Walter Breda

Teatro Cultura Inglesa Pinheiros - SP

Hoje às 20h

 

 

 

Escrito por Lenise Pinheiro às 10h13

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Ver mensagens anteriores

PERFIL

Lenise PinheiroO blog Cacilda é coordenado por Nelson de Sá, articulista da Folha, e pela repórter-fotográfica Lenise Pinheiro.

SITES RELACIONADOS

RSS

BUSCA NO BLOG


ARQUIVO


Ver mensagens anteriores
 

Copyright Folha Online. Todos os direitos reservados. ɉ proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folha Online.