Cacilda
 

Perfume e veneno na Praça Roosevelt

A Vaca de Nariz Sutil

De Walter Campos de Carvalho

Adaptação e Direção Hugo Possolo

Atores Raul Barreto, Claudinei Brandão, Henrique

Stroeter, Carolina Tilkian, Alexandre Bamba, Hugo

Possolo e Potiguara Novazzi

Espaço dos Parlapatões - SP

Sexta e sábados às 21h domingos às 20h

Escrito por Lenise Pinheiro às 13h17

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Cenários de Luz

Gertude Stein

Direção de Márcio Aurélio

Ator Luiz Paetöw

Das cordas dos teatros. De acordes.

Teatro Fabrica - SP

Escrito por Lenise Pinheiro às 21h45

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

A Gente se vê no Teatro Cosipa

Hoje no Globo e no Estado de São Paulo - Entrevista na íntegra

concedida a Paula Anselmo.

Como foi reunir este tão seleto

grupo de atrizes para este projeto?

Foram momentos cheios de energia. Promovidos

entre os desencontros de agendas, algumas

viagens e muita concentração.

Diálogos concebidos para as atrizes que

representaram o mesmo papel, em épocas

e montagens diferentes.

Momentos fugazes capturados em fotografias

em  situações e contágios distintos, frente a

um espelho de camarim, escalado por mim,

para calafetar a ambiência teatral.

Nada escapou.

As atrizes recriaram climas e aconchegos.

Motivadas pelo confronto do reflexo.

O texto a seguir foi criado por mim para

compor o catálogo da mostra.

Atrizes notáveis, celebrizadas aos pares.

Encontros preconizados pela história e

suas personagens. Espelhos, reflexos e

luzes defletindo teatro nas expressões

faciais. Ensaios generosos, concisos e

acalorados, compondo esses diálogos,

que em uníssono sussurram MERDA!

O que é essencial para a

fotografia em teatro?

Mistério, rigor, técnica, charme, métrica,

dinâmica, clareza, contraste e brilho.

Muito brilho.

E qual o maior desafio para

um fotógrafo neste segmento?

O cotidiano do fazer teatral. A arte da

repetição nem sempre corresponde aos

anseios dos profissionais.

Você possui um arquivo

invejável de material

fotográfico, mas qual a

imagem que nunca esquece?

Ou

Como está organizado seu

arquivo de negativos e fotos¿

Mantenho meu acervo bem conservado,

organizado e ao meu alcance. Os arquivos

ficam em um escritório arejado e bem

iluminado; dispostos como totens, ocupam

a maior parte do espaço, despertando a

atenção dos visitantes.

Metaforicamente falando, esses módulos de

aço inox abrigam elencos que talvez nunca

contracenem numa montagem, histórias e

talentos memoráveis, fornicações homéricas,

temperamentos das mais distintas naturezas; 

meus arquivos carregam o valor da classe teatral,

revelando com as químicas do eufemismo a

fotografia de teatro.

Tenho projetos para digitalizá-lo.

A conservação das imagens está diretamente

relacionada com o armazenamento

em suportes digitais.

Qual das suas fotos é a

imagem que nunca é esquecida¿

É verdade, existe em meu imaginário uma

fotografia recorrente. Trata-se de um instante

de uma leitura encenada em 1990, no Teatro

Oficina. Era uma sexta feira santa, Zé Celso

promoveu o encerramento de uma série de

leituras de Cacilda! No canteiro de obra do teatro.

Reneé Gumiel (com relógio no pulso)e

Renato Borghi protagonizaram a imagem

que deixou rastros desse período, onde Zé

e Marcelo Drummond seguiram determinados

rumo à inauguração e ocupação do Teat(r)o Oficina.

Escrito por Lenise Pinheiro às 11h33

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Cada um a seu modo

Texto Luigi Pirandello

Direção Mauricio Paroni

Elenco Alexandre Magno, Fabio Marcoff, Fernanda Moura,

Roberto Alencar, Vanderlei Bernardino e Ziza Brisola

Teatro Sergio Cardoso

Quinta a sábado 21h Domingo 19h

Escrito por Lenise Pinheiro às 11h51

Comentários (Comente) | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Ver mensagens anteriores

PERFIL

Lenise PinheiroO blog Cacilda é coordenado por Nelson de Sá, articulista da Folha, e pela repórter-fotográfica Lenise Pinheiro.

SITES RELACIONADOS

RSS

BUSCA NO BLOG


ARQUIVO


Ver mensagens anteriores
 

Copyright Folha Online. Todos os direitos reservados. ɉ proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folha Online.